sábado, 19 de março de 2011

Decepção amorosa na adolescência!


POST POR:

Todos nós sabemos que superar uma decepção amorosa não é tarefa fácil. Mas, durante a adolescência essas desilusões parecem ser piores. Nessa fase, até mesmo por uma questão de maturidade, costumam apostar tudo em uma relação presente. São muitas as mudanças ocorridas na vida do adolescente e os amores vividos nesse período representam um porto seguro diante das tempestades.
De acordo com os especialistas, muitos jovens se sentem seguros e não aceitam conselhos. Por isso, acreditam que poderão viver um grande amor, mas depois de algum tempo, acabam descobrindo que tudo não passou de algo passageiro. Esta paixão, na maioria dos casos, faz com que o garoto ou a garota se afaste de seus amigos e familiares e passe a viver apenas para a sua cara metade.

Quando o relacionamento acaba, a dor é ainda maior, sem amigos, sem ter com quem conversar e além disso, ela vem acompanhada pelo sentimento de culpa.
A vida amorosa é uma fase de sofrimento tanto na vida do adulto como na do adolescente. Durante a adolescência, as perdas são mais complicadas, uma vez que milhares de descobertas e mudanças estão ocorrendo juntamente com o sentimento de perda. Ainda que na adolescência a sociabilidade seja maior que em outras fases da vida, a insegurança também é muito grande. Saber valorizar e respeitar o sentimento e compreender a dor sentida pelo seu amigo demonstrará que você está ao lado dele.

Temos que acolher sem criticar é a melhor forma de ajudar. É um período em que não adianta falar frases do tipo ‘eu sempre percebi que ele (a) não servia pra você’. Atitudes como essas só irão piorar a situação. Em outras palavras, vocês estarão dizendo: ‘meu, você é um trouxa e não percebeu o tipo de pessoa com a qual namorava’.
E mesmo muitos sabendo disso, muita gente banaliza o ‘eu te amo’ ‘eu te adoro’ e por essas e outras o sofrimento é maior, conheça a pessoa na qual vai se relacionar, não custa nada esperar uma semana antes de entrar em uma relação, os únicos prejudicados serão vocês mesmos, pense antes de agir e se a pessoa não corresponder ao que você procurava, não se aproveite dela e não se esqueça, ela também tem sentimentos.

6 comentaram. Comente também!:

Fernanda disse...

Honestamente falando, isso realmente é verdade, e concordo plenamente . Primeiro porque, querendo ou não, o afastamento ocorre, mas só depois da relação amorosa se acabar por completo, é que a pessoa percebe que amizades mesmo, são pra sempre, e não passageiras como um relacionamento amoroso . A dor é ainda maior, porque ambos os lados estão sofrendo; a decepção amorosa e a perda das amizades por conta disso . Amar é estar sempre presente, independente da hora e do por quê, é saber diferenciar amizades verdadeiras de amores passageiros . É por conta disso que ocorre a solidão, o abandono, o desespero . Quem te amigos tem tudo, até mesmo o amor .

Lia disse...

mt bom *-* mas não é nenhum pouco fácil :D

Sabrina disse...

sempre soube q tu tinha talento pra coisa, ê! parabens pelo textoooooo!

Caroll disse...

Está completamente certo, pois é na adolecencia que pensamos ter o controle de tudo, e sem ao menos percerbeer tudo escapa de nossas mãos e ficamos completamente perdidos.
Já passei por isto, inumeras vezs e hoje em dia vejo, que uma paixão não dura a vida toda, um amor nem sempre é "para sempre" e que se queremos viver felizes temos que aprender a viver com as mudanças da vida, saber ver o lado positivo, não por acaso que vc se iludiu, e tbm não é por acaso que vc vai se iludir quantas vezs for preciso até vc aprendeer.

Otimo texto Sopa.

Jônatas Fassbinder disse...

Eita...
mas quem nunca teve uma decepção dessas hein?
concordo com tudo!
parabéns

R. Lennon disse...

decepções sempre vão acontecer. a vida infelizmente é assim.
mas um dia a recompensa chega. um dia a gente marca o gol e ganha o caneco tbm.
abraços

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...