quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Malhação

POST POR:
Fala galera, no post dessa semana vou falar sobre uma série adolescente que esta há exatos 16 anos no ar. Trata-se da novela teen “Malhação” que é exibida desde 24 de abril de 1995 e já esta na sua 18° temporada.
 Ela aborda temas que condizem ao universo jovem como: vida sexual, relacionamentos entre família, amigos e outros temas que envolvem a galera em geral. Ao longo dos anos ‘Malhação’ revelou vários atores que hoje fazem parte das grandes produções globais. Entre eles estão: André Marques, Claudio Heinrich, Priscila Fantin, Guilherme Berenguer, Marjorie Estiano, Fernanda Vasconcellos e recentemente o filho do cantor Fabio Junior: Fiuk, que foi o protagonista na pele de Bernardo. No meu ponto de vista a partir dessa temporada, a novela desceu uma ladeira e nunca mais foi como antes.
A primeira temporada de ‘Malhação’ tinha como cenário principal uma academia e desde seu inicio já caiu nas graças dos telespectadores. Não só voltada ao público adolescente, a novela aborda temas que envolvem toda a sociedade no geral. Com o passar dos anos muitas mudanças ocorreram e a academia deixou de ser o centro das historias. O programa passou por uma reformulação, ganhando novos cenários e temas com ares mais interativos do que se tinha nas outras temporadas. O centro da historia passou a ser o Colégio Múltipla Escolha. E foi nessa mesma época que incorporado o personagem ‘Artur Malta’, mais conhecido como “Cabeção”, Sergio Hondjarkov eternizou suas bizarrices e comportamento de um adolescente descompromissado e muito bem humorado, o mais lembrado e marcante personagem durante todos esses anos de malhação. Atuou por 5 anos no seriado e no final da temporada 2004/05 deixou de fazer parte do elenco. Com sua saída, um grande vazio parecia haver nos capítulos seguintes, tudo isso por conta de um certo personagem aloprado mas de grande coração, que permanece vivo ate hoje na memória de nós todos. Além de apostar em novas caras, a trama se renovou a cada temporada e coloca artistas experientes para atuar, fazendo, assim um encontro de gerações.
O que se destacou, e muito, durante esses anos foram às trilhas sonoras. Ao som de “Assim Caminha A Humanidade” de Lulu Santos foi por muitas temporadas a musica de abertura ficando da estreia ate o ano de 1999. A música “Te Levar” da banda Charlie Brown Jr passou a ser o tema de abertura no ano seguinte, ficando ate 2006 e batendo recorde de permanência. Em 2006 a mesma banda emplacou o seu segundo tema de abertura, com a música “Lutar Pelo O Que É Meu” e na seqüência “Paraíso Proibido” da Strike. “Daqui Pra Frente” e “Bem ou Mal” da banda NXZero, e em seguida, pela na primeira vez na história a música de abertura é cantada por um personagem: “Quem Sou eu?” da banda Hori (Fiuk).
Após tanto tempo no ar e com altos e baixos na sua audiência, malhação se encaminha para o fim, que já foi anunciado pela Rede Globo. Será substituída por outro formato completamente diferente desse, mas que levará o mesmo nome com uma pequena alteração: ‘Malhação Conectados’. O motivo dessa mudança se dá a pouca audiência do programa que desde o ano de 2008 vem caindo. 

 Quem acompanha há anos como eu, e que viu o seu auge percebe uma enorme diferença entre o antes e o agora. Parece que a série perdeu sua essência. Ganhou uma roupagem que não caiu nas graças do publico e que pegou um caminho sem volta. As histórias são todas repetitivas e se vista nos primeiros capítulos todos já podem prever como será o final. Malhação teve varias fases, personagens eternos e momentos únicos que ficaram na memória de todos. Ditou tendências na moda, no estilo, no comportamento e dividiu em suas temporadas, em todas as historias uma diversidade grande de emoções. Mas confesso que assistindo hoje percebo bem o porquê de estar tendo um ponto final essa série. Ou quem sabe será um até logo? Veremos...  

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Parabéns Demônios: 1 ANO!

POST POR:
De novo 16 de Agosto. E quem diria que 365 dias depois estaríamos aqui?

  Não vou me aprofundar muito na nossa história pois ela já esta toda contada neste blog. Para quem quiser conhecê-la basta clicar aqui. Pois bem, iniciamos postando textos copiados, gifs, imagens, vídeos e crônicas sobre futebol só para ver até aonde isso dava. E (para o bem de todos) mudamos muita coisa, passamos a produzir 100% de nosso conteúdo e a fazer amizades importantes com outros blogs.
  Chegamos um ano depois bem mais maduros e com algumas histórias para contar. O nome que causa estranheza a primeira vista, o projeto que era de um podcast, as publicações sem créditos e sem noção e mais uma porção de coisas, no minimo engraçadas, fazem parte destes dias que no fim das contas formarão uma puta baita publicação, um tanto cômica, daqui uns tempos.
  Tivemos entre indas e vindas um total 10 autores e 400 postagens publicadas e aqui vai uma lista com um post selecionado de cada mês, para relembrarmos um pouco do que se passou:

Agosto/2010 - Entendendo o porquê
Setembro/2010 - Futebol é o assunto. Tanto pro lado Colorado...
Outubro/2010 - ...quanto pro Tricolor.
Novembro/2010 - E a moda também foi curiosidades.
Dezembro/2010 - Provocação que feriu fundo, direito de resposta e até uma tréplica.
Janeiro/2011 - Honrando nossa bandeira em tom de desabafo.
Fevereiro/2011 - Marca-se uma nova fase. Mais visitantes e mais conteúdo.
Março/2011 - De cara nova e com um nome novo...
Abril/2011 - E com outro nome, novas ideias também.
Maio/2011 - Uma conclusão relutante, assim como os Demônios.
Junho/2011 - O post mais visitado de sempre, em apenas 30 dias.
Julho/2011 - Amigos verdadeiros, não podemos destacar 10...
Agosto/2011 - Três foram os poetas, três foram os Demônios que jamais se exorcizaram e que não sairão daqui tão cedo...

Parabéns para nós, afinal, os Demônios desta década, somos todos nós!


E você faz parte dessa história? Acompanha desde quando? Comente!

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

E se você tivesse uma segunda chance?

POST POR:
Um cara rico tinha um sítio e precisava de homens para trabalhar e então, contratou alguns logo de manha. Quando foi até o mercado às 10 horas viu mais trabalhadores e também os contratou e a mesma coisa aconteceu ao meio dia, de novo as três e mais uma vez as cinco. Quando acabaram, ele colocou-os todos em fila e os pagou começando pelos homens que contratou por último; deu a eles o pagamento de um dia inteiro. Os que contratou pela manha e que realmente trabalharam o dia inteiro disseram: - Nós devemos ganhar muito mais! - Mas quando foram pagos receberam o mesmo que os caras que trabalharam uma hora. Eles ficaram muito irritados, e o dono disse: - O que lhes interessa o que eu paguei para os outros? Eu cumpri meu acordo com vocês!
  O dono do sítio é DEUS. O pagamento é a entrada no céu. A lição é: Não importa se você foi até DEUS cedo ou tarde, você terá a mesma recompensa! Há muito mais na vida do que dinheiro, roupas caras, carros importados ou beleza externa. Existe uma segunda chance todos os dias, quando você acorda para fazer o melhor de si mesmo. Existe o perdão!
 Judas traiu Jesus por um pouco de dinheiro, e mesmo assim Jesus queria perdoá-lo. Mas Judas se sentia muito culpado, e não pediu seu perdão. Então indiferente do que você tenha feito, do mal que tem cometido, Deus perdoará você e te amara se você pedir com sinceridade, ELE sabe suas intenções.
Talvez você não comente nesse post por medo do que os outros irão pensar, talvez você não avalie-o pelo assunto ser DEUS ou até nem leia. Mas talvez tu não sejas feliz, porque simplesmente não tem DEUS no coração. Se você vive sem tempo para DEUS, você vive perdendo tempo! 

Com este texto termino aqui minha participação no blog e agradeço por tudo que me proporcionaram, aprendi milhares de coisas aqui, então o meu muito obrigado!

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Os três poetas

POST POR:
Bom galera hoje vou falar sobre meus ídolos, e tenho certeza de que ao menos um desses grandes poetas esta na “galeria vip” de seus admiradores também. É praticamente impossível encontrar alguém nesse Brasil que não tenha conhecido alguma obra de: Raul Seixas, Cazuza ou Renato Russo. Eles simplesmente emocionaram o país com canções que falavam de amor, rebeldia e contradições do tempo em que viveram. Embalaram multidões por onde passavam e deixaram uma obra aqui com méritos de serem chamados de magos do rock nacional.
Falar desses caras é relembrar a historia do rock no Brasil desde seu inicio. É voltar no tempo e tudo que eu disser aqui será pouco, pois ele até hoje são a maior influencia rock no país. Com isso vou fazer um resumo básico sobre a vida de cada um aqui, e frizo que será apenas o básico, porque seria meramente impossível resumir o que por muito tempo tem sido sucesso entre pessoas de todas as idades, afinal clássicos são clássicos e devem ser sempre ouvidos, revistos e relidos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...